Adesão ao CAR chega a 57% da área nacional em junho

Imagem retirada de http://agrolink.com.br/noticias/adesao-ao-car-chega-a-57--da-area-nacional-em-junho_220905.html Imagem retirada de http://agrolink.com.br/noticias/adesao-ao-car-chega-a-57--da-area-nacional-em-junho_220905.html

13/07/2015

O Brasil amplia gradualmente o número de imóveis registrados no Cadastro Ambiental Rural (CAR), que corresponde a primeira etapa de adequação para o Novo Código Florestal. Balanço divulgado pelo Serviço Florestal Brasileiro (SFB), vinculado ao Ministério do Meio Ambiente (MMA), aponta que 197 mil imóveis rurais foram registrados em junho, em um índice que equivale a 14,7 milhões de hectares cadastrados. O índice equivale a 57% da área total passível de cadastro, que soma 227 milhões de hectares.

A região Norte do país segue como a mais adiantada, com 76,5% da área já registrada no CAR. Na sequência aparece o Centro-Oeste, com 53,8% dos campos regulamentados. Porcentualmente a região Sudeste registrou o maior salto em relação a maio, e agora chega a 48,7% da área cadastrada. Nordeste e Sul seguem com os maiores atrasos, tendo cadastrado apenas 23% e 19% do total de áreas, respectivamente.

O Rio Grande do Sul aparece como o estado mais lento no processo de regularização dos imóveis rurais. Apenas 2%, ou 414 mil dos 20,3 milhões de hectares registráveis já constam no CAR. Mesmo na lanterna o SFB destaca que houve um “incremento considerável” no número de registros do estado no último mês.

561 mil hectares
De área rural do Paraná foram registrados no CAR em junho, ampliando a área cadastrada para 4,9 milhões de hectares. Estado ainda precisa cadastrar até o dia 05 de maio de 2016 cerca de dois terços da área total, estimada em 15,3 milhões de hectares.

Fonte: Agrolink, com informações da Gazeta do Povo