Demanda de milho dos EUA pode ser a pior desde 1969/70

Imagem retirada de http://www.agrolink.com.br/noticias/demanda-de-exporta--231---227-o-de-milho-dos-eua-pode-ser-a-pior-desde-1969-70_174140.html Imagem retirada de http://www.agrolink.com.br/noticias/demanda-de-exporta--231---227-o-de-milho-dos-eua-pode-ser-a-pior-desde-1969-70_174140.html

14/06/2013

A demanda de exportação dos Estados Unidos é estimada para atingir o nível mais baixo desde a safra 1969/70, com 612 milhões de bushels. A previsão é apontada pelo CME Group, controlador da Bolsa de Cereais de Chicago.

Os dados fracos das vendas de exportação favoreceram o viés de baixa registrado nesta quinta-feira (13.06), com o programa dos EUA continuando a mostrar sinais de estagnação na velha e na nova safra. As vendas ficaram em 81.500 toneladas para a campanha em curso e 68 mil para a próxima campanha de comercialização, para um total de 149.500.

Em 06 de junho, as vendas acumuladas estão em 98% da previsão do USDA, contra uma média de 94,5% de 5 anos. São necessárias vendas de 25 mil toneladas a cada semana para alcançar a previsão do USDA.

Os dados sugerem que o atual ritmo de vendas está superando a previsão do USDA – no entanto, isso se deve ao declínio na demanda de exportação da safra velha reportado no relatório de quarta-feira (12.06) do Departamento de Agricultura norte-americano.

Fonte: Agrilonk, escrita por Leonardo Gottems