Etanol domina produção das usinas no Centro-Sul

Imagem retirada de http://www.jornalcana.com.br/noticia/Jornal-Cana/54015+Etanol-domina-producao-das-usinas-no-Centro-Sul Imagem retirada de http://www.jornalcana.com.br/noticia/Jornal-Cana/54015+Etanol-domina-producao-das-usinas-no-Centro-Sul

12/07/2013

Biocombustível continua sendo prioridade nas usinas do Centro-Sul nesta safra. Ao menos é o que indica os dados divulgados pela Unica – União da Indústria de Cana-de-Açúcar nesta quarta-feira, 10/7. De acordo com os números da entidade, na segunda quinzena de junho, a proporção de matéria-prima direcionada à fabricação de açúcar apresentou redução significativa, alcançando 41,90%, contra 47,79% em idêntico período da safra 2012/13.

No acumulado até 1º de julho, esta proporção totalizou 41,85%, o segundo menor mix verificado nas dez últimas safras – apenas na safra 2008/09 houve um índice inferior ao registrado até o momento neste ano. “Se fizermos um exercício simples, extrapolando a tendência observada até agora para as quinzenas subsequentes da atual safra, concluímos que todo o crescimento esperado de moagem poderá ser direcionado para a produção de etanol”, afirma o diretor técnico da Unica, Antonio Padua Rodrigues.

Com isso, apesar da retração na moagem, a produção de etanol alcançou 1,28 bilhão de litros na segunda quinzena de junho deste ano, aumento de 5,98% em relação ao volume apurado na mesma data de 2012. A produção de açúcar, por sua vez, recuou 16,36% nesta quinzena, totalizando 1,50 milhão de toneladas, contra 1,80 milhão de toneladas computadas na mesma data da safra 2012/13.

No acumulado desde o início da safra 2013/14 até 1º de julho, a fabricação de açúcar atingiu 8,90 milhões de toneladas, enquanto que a produção de etanol alcançou 7,61 bilhões de litros, sendo 4,64 bilhões de litros de etanol hidratado e 2,97 bilhões de litros de etanol anidro.

Fonte: ProCana Brasil, escrita por André Ricci