Milho amplia recorde da safra mineira em 2012

10/02/2012

A produção mineira de milho na safra 2012 deve alcançar 7,4 milhões de toneladas, um aumento de 13,5% em relação ao volume registrado no período ano passado. Os dados fazem do levantamento divulgado nesta quinta-feira (9) pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), confirmando a previsão de um novo recorde na produção estadual de grãos, que deverá alcançar 11,6 milhões de toneladas.

Este volume representa um aumento de 9,4% na oferta mineira de grãos, informa a Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa). Minas responde por 7,4% da produção total de grãos do Brasil. Para o montante da produção nacional a estimativa é de uma retração de 3,5% na comparação com a safra de 2011.

O superintendente de Política e Economia Agrícola da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, João Ricardo Albanez, enfatiza a importância do milho na progressão da safra mineira e que responde por 63,7% da produção total de grãos do Estado. “As lavouras de milho, espalhadas em 1,3 milhões de hectares, apresentam uma expansão de área plantada de 6,9% em relação ao período anterior”, explica.

A crescente demanda de milho e a consequente melhora dos preços nos mercados interno e externo estimularam os produtores a intensificar o uso de tecnologia, adotar boas práticas de cultivo e ampliar as áreas plantadas. Segundo Albanez, a produção de milho é beneficiada principalmente pelo grande consumo na avicultura, suinocultura e bovinocultura.

Outro produto em destaque na estimativa de safra 2012 é a soja, que tem produção estimada de 3,1 milhões de toneladas, equivalentes a um aumento de 5,1%, embora a área plantada registre uma pequena redução. Albanez explica que os resultados previstos para a safra de soja nas lavouras mineiras devem ser atribuídos em primeiro lugar às condições climáticas.

“Houve também o incremento da tecnologia nas lavouras de soja no Estado, o que possibilitou a obtenção de uma produtividade média de 3,0 toneladas por hectare, índice 7,4% superior ao registrado no período anterior”, acrescenta o superintendente. “Os produtores do Estado foram estimulados também pela boa cotação do produto nos mercados interno e externo. No cenário da produção nacional de soja, a previsão é de 69,3 milhões de toneladas ou retração de 8,1%.”

Para o trigo de Minas, a estimativa é de uma safra de 90,1 mil toneladas, aumento de 5,7% em relação ao ano passado. O bom resultado é devido principalmente à adoção do cultivo do cereal na entressafra de grãos, com o recurso da irrigação.

Albanez ainda explica que a produção de algodão no Estado também apresenta boas perspectivas, com base no estudo da Conab. A projeção é de uma safra de 116,7 mil toneladas, um avanço próximo de 1,0%.

Safra mineira 2012:

Total de Grãos: 11,6 milhões de t (+9,4%)

Milho: 7,4 milhões de t (+13,5%)

Soja: 3,1 milhões de t (+5,1%)

Trigo: 90,1 mil de t (+5,7%)

Fonte: http://www.sonoticias.com.br/agronoticias/mostra.php?id=49878