Milho segue em alta

Imagem retirada de http://www.agrolink.com.br/noticias/milho-segue-em-alta--an--225-lise-agrolink-_174401.html Imagem retirada de http://www.agrolink.com.br/noticias/milho-segue-em-alta--an--225-lise-agrolink-_174401.html

19/06/2013

A Bolsa de Cereais de Chicago registrou nesta terça-feira (18.06) alta de 4 centavos de dólar no preço do milho nos contratos de Julho deste ano. O mercado negociou em forte alta no dia, liderado por ganhos no contrato de Dezembro.

Houve relatos de vendas de agricultores, com preços no mercado à vista atingindo US$ 7 ou mais em algumas áreas. Existe o entendimento de que haverá exportações da velha safra nesta semana, e isso manteve apoio ao mercado, juntamente com fortes lances dos mercados de etanol do Cinturão do Milho ocidental.

O maior fabricante de alimentos da Coréia do Sul comprou, pela primeira vez na história, 127 mil toneladas de milho durante a noite na região do Mar Negro, com embarque para novembro. Traders sugerem que os exportadores da região vão continuar tentando ampliar sua presença no mercado global, aumentando as preocupações de que a demanda de exportação dos EUA em 13/14 pode atravessar um tempo difícil, como ocorrido neste ano.

O contato de dezembro recebeu apoio de compra moderada como as previsões meteorológicas melhorando no Centro-Oeste, o que poderia significar uma redução das chuvas em algumas áreas e aumento das temperaturas. Isto é necessário em muitas áreas, mas o mercado ainda é muito sensível a qualquer tipo de seca, após a estiagem de 12/13.

Fonte: Agrolink, escrita por Leonardo Gottems