Primavera: estação sob influência do El Niño

Imagem retirada de http://agrolink.com.br/noticias/primavera--esta--231---227-o-sob-influ--234-ncia-do-el-ni--241-o_223432.html Imagem retirada de http://agrolink.com.br/noticias/primavera--esta--231---227-o-sob-influ--234-ncia-do-el-ni--241-o_223432.html

23/09/2015

Nesta quarta-feira, seguindo o horário oficial de Brasília, inicia às 5h20 do dia 23 de setembro de 2015 e termina dia 22 de dezembro de 2015 a Primavera. A estação que marca a transição para o verão, neste ano, está sob a influência do fenômeno El Niño, que deixa a temperatura acima do normal e a estação promete ser quente especialmente no Sudeste e no Centro-Oeste.

A chuva deverá ficar muito acima da média no Sul do Brasil. Áreas de São Paulo e de Mato Grosso do Sul também serão beneficiadas com muita chuva, mas outras partes do país, como o norte de Minas Gerais e a Região Nordeste ainda vão enfrentar meses de seca ou de chuva escassa.

No Sul do país podem ser verificadas chuvas constantes acompanhadas de granizo, o que acabam por causar prejuízos, principalmente, ao fruticultor e ao olericultor. Além do excesso de chuvas podem ser verificadas geadas tardias também no Sudeste, bem como má distribuição de chuvas na região Centro-Oeste e Sudeste.

A primavera é a estação em que os agricultores colhem as lavouras de inverno na região Sul e Sudeste, além de realizar o preparo e o plantio das culturas de verão. Este ano o El Niño esta influenciando de forma muito significativa - o fenômeno deste ano está sendo considerado pelos Meteorolistas como um dos mais fortes dos últimos anos, podendo promover atrasos no plantio e prejuízos às culturas de verão.  

O Engenheiro Agrônomo e Doutor em Fitotecnia , José Luis da Silva Nunes, destaca que este é o período em que a maioria das pragas (insetos) estão saindo do período de diapausa ou aumentando o número de gerações (diminuição de ciclo) em função do aumento da temperatura. Com isso, as doenças passam a incidir de forma mais incisiva e de forma mais rápida, em função da umidade e da temperatura. Por outro lado, ao mesmo tempo em que se estabelecem as culturas de verão, também ocorre um aumento da germinação de plantas espontâneas.

A agropecuária é arriscada já que, no caso da agricultura, os custos de produção apresentaram elevação em função da alta do dólar, principalmente fertilizantes e defensivos. Porém, quando bem planejada e conduzida, a atividade agropecuária é muito gratificante e rentável. A atividade prática agropecuária merece planejamento por parte dos agricultores, com atenção especial ao calendário agrícola de atividades, de acordo com a cultura ou criação, zoneamento e levando em consideração os custos envolvidos na formação da lavoura ou manejo do rebanho, conclui o Eng. Agrônomo Dr. José Luis.

Fonte: Agrolink, escrita por Aline Merladete