Terceirização irá reduzir custos para o produtor rural, diz liderança

Imagem retirada de http://www.revistacanavieiros.com.br/imagens/uploads/conteudos/20170203092103A2eVMFZ4ul.jpg Imagem retirada de http://www.revistacanavieiros.com.br/imagens/uploads/conteudos/20170203092103A2eVMFZ4ul.jpg

27/03/2017

A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) emitiu nota em que diz confiar que o presidente Michel Temer irá sancionar, com a urgência possível, o projeto de lei que regulamenta a terceirização, aprovado pela maioria na Câmara dos Deputados.

"Entendemos que o projeto representa um avanço importante nas relações entre empregadores, trabalhadores e mercado de trabalho. Esse tipo de trabalho passará finalmente a ser protegido por uma lei, discutida e referendada pelo Congresso Nacional", afirma o comunicado.

A entidade ressalta que considera muito positivo que a terceirização possa ser estendida às atividades fins. No setor agropecuário, a nova lei irá contribuir não só para reduzir os custos do produtor rural, mas também para aumentar a oferta de empregos.

"Esta mudança ocorre em momento oportuno, quando o País está empenhado em retomar o crescimento econômico, com a geração de emprego e renda para todos", acentua a nota.

fonte: Udop, com informações da Datagro (texto exraído do portal Uagro)